Como ter um negócio lucrativo?

Ter um negócio lucrativo é o sonho de todo o empreendedor. Afinal, uma empresa é constituída com a finalidade principal de gerar resultados para aqueles que dedicaram seu tempo, dinheiro e assumiram todo o risco inerente a sua atividade.

Entretanto, esse nem sempre é um caminho simples de ser seguido. O empresário precisa adotar uma série de estratégias e métodos para fazer com que seu empreendimento cresça e gere os resultados esperados.

Neste artigo, mostraremos algumas dicas que você deve adotar para conseguir criar um negócio, verdadeiramente, lucrativo. Acompanhe!

Conheça o seu mercado

O primeiro passo para ter um negócio lucrativo é entender profundamente como funciona o seu mercado. Essa etapa de um empreendimento é necessária para verificar se o seu produto ou serviço terá uma boa aceitação no setor em que pretende atuar.

No meio empresarial existe um ditado popular que afirma que não é possível vender gelo no Alaska. Isso é verdade, mesmo sendo uma abordagem muito generalista. A sua análise deve abranger questões mais aprofundadas para identificar o perfil dos potenciais consumidores, bem como, os concorrentes que já estão em atuação.

Outro ponto interessante a ser observado é a barreira de mercado. Ou seja, qual o nível de dificuldade que um outro empreendedor terá para entrar no mesmo segmento que o seu e se tornar um concorrente. Nesse caso, você deve criar mecanismos de diferenciação para definir uma solução única que só é encontrada em sua marca.

Tenha um público alvo bem definido

Depois de analisar o mercado e identificar a necessidade pelo seu produto, bem como, dificultando a barreira de entrada de outros empreendedores, é hora de dar o próximo passo. Muitas pessoas se esquecem disso, porém, é fundamental definir um público alvo para o seu negócio.

Basicamente, você deve identificar quais são as pessoas que têm mais chances de consumir as suas soluções. A partir desse ponto, deve direcionar todos os seus esforços de marketing, produção de conteúdo de mídias sociais e demais divulgações para atingir, especialmente, essas pessoas.

Assim, você evita o desperdício com publicidade voltada para um público que não tem interesse nos seus produtos e serviços. Dessa forma, atinge um número de potenciais consumidores consideravelmente maior, podendo fechar mais vendas e aumentar o seu lucro.

Para você entender como isso funciona, vamos ilustrar com um exemplo clássico. Uma empresa que comercializa produtos masculinos, por exemplo, terá mais chances de atingir o seu público alvo se inserir suas campanhas de marketing em programas de veículos, futebol e outros assuntos que têm audiência predominantemente masculina.

Assim, você elimina uma grande massa da população que não tem interesse por aquela solução. E, dessa forma, direciona toda a sua comunicação para um público em especial.

Crie uma persona

Existe uma estratégia muito interessante e que tem relação direta com a definição do seu público alvo. Basicamente, significa personificar as principais características, sonhos, desejos, medos e anseios do seu público em um individuo hipotético que é chamado de persona.

Nesse caso, você terá que criar um personagem, de fato, com sua respectiva idade, interesses, hobbies, nível escolar, gênero, entre outros aspectos. Fazendo essa definição, além de facilitar a comunicação, também é possível criar, de forma mais estratégica, novas soluções para oferecer para os seus clientes.

Avalie constantemente a qualidade de suas soluções

Além da criação de novos produtos ou serviços, para ter um negócio lucrativo é fundamental que essas soluções sejam verificadas periodicamente. O objetivo disso é garantir que esses itens estejam sempre no nível de qualidade esperado pelos seus clientes.

Geralmente, isso começa a ser feito somente no momento em que as vendas caem. Porém, quando um negócio chega a este ponto é muito provável que a credibilidade da empresa já esteja severamente prejudicada.

Por tanto, essa avaliação deve ser feita com certo grau de periodicidade, podendo ser mensal, semanal ou, até mesmo, anual. Essa escolha depende do tipo de produto que você disponibiliza no mercado.

Tenha atenção à questão financeira, fiscal e contábil

Saindo um pouco do assunto de vendas, definição de público alvo e divulgação, é importante ter atenção a outro detalhe crucial. Este pode, inclusive, prejudicar muito a lucratividade dos empreendedores que não se atentam a isso: os controles financeiro, contábil e fiscal.

Controlar as finanças de um negócio permite que o gestor tenha a real noção da sua capacidade financeira. Assim, é possível verificar a necessidade de capital de giro e a possibilidade de reinvestimento de receitas geradas.

Já na área contábil e fiscal, é importante que o gestor dê a devida atenção a este ponto e conte com a ajuda de profissionais especializados para evitar descumprir alguma norma. Caso contrário, pode incorrer em multas e sanções. Contadores especializados podem ainda fornecer informações preciosas sobre diversos fatores do seu negócio que impactam a sua lucratividade.

Faça um bom controle de receitas e gastos

Também é importante que você tenha um bom controle de todo o recurso que entra e sai do seu negócio. Com esse tipo de gestão é possível saber quais são os custos e despesas que estão drenando a capacidade financeira do seu empreendimento,. Assim, fica mais fácil tomar decisões que impactarão na redução de gastos e, consequentemente, podem potencializar os lucros.

Conte com a ajuda da tecnologia

Por fim, nenhuma dessas estratégias será possível ser implementada sem o auxílio das ferramentas tecnológicas que existem hoje. Desde a análise de mercado, até a gestão dos recursos que entram e saem da sua empresa, é necessário usar da tecnologia para que tudo funcione de forma satisfatória.

Atualmente, é muito difícil que um negócio prospere sem utilizar, pelo menos, o mínimo necessário para gerir o empreendimento. Sendo assim, é fundamental utilizar sistemas de gestão integrada, ferramentas para controle financeiro, gestão de estoque, entre outros.

Além disso, para ter um negócio lucrativo, você precisa contar com serviços especializados de uma prestadora de serviços como a GPME. Juntos, podemos te auxiliar na interpretação de todas essas dicas, focando sempre no aumento de receitas e redução de despesas.

Se você gostou destas informações e quer saber um pouco mais sobre essas soluções, entre em contato conosco. Nossa equipe especializada está pronta para receber suas dúvidas e solucionar quaisquer questionamentos que possam existir sobre este processo.

clique para baixar e-book -Empresas no pós-quarentenaPowered by Rock Convert

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.